Funchal

Funchal é uma cidade portuguesa na ilha da Madeira, capital da Região Autónoma da Madeira e a mais populosa fora do território continental português. A cidade coincide com o seu concelho, e tem 76,15 km² de área e 111 892 habitantes, subdividindo-se em 10 freguesias. A área metropolitana do Funchal, que inclui os concelhos de Câmara de Lobos, Ribeira Brava, Santa Cruz e Machico, tem uma população superior a 225 mil habitantes.

A cidade do Funchal encontra-se numa espécie de anfiteatro natural formado pela baía, pelas montanhas a norte e leste e por picos vulcânicos a oeste, o que faz com que a zona urbanizada da cidade se estenda desde o nível do mar até à cota dos 800 metros sendo que as montanhas a norte chegam a atingir os cerca de 1800 metros de altitude nos pontos mais altos da cordilheira central da ilha.

Carro baratinho para alugar em Funchal

A Ilha da Madeira é um dos lugares mais lindos do mundo e com certeza vale a pena dar uma voltinha por toda a ilha para conhecer suas particularidades. As belezas naturais são únicas e as praias são maravilhosas no verão. Não perca tempo e aproveite Funchal!

Antes de tudo é importante conhecer a TravelCar. Somos uma empresa com experiência em mais de 50 países de 5 continentes diferentes. Uma prova da confiança que milhares de clientes depositam em nossos serviços. Somos a empresa do segmento que mais cresce no mundo, um grande indício de que estamos no caminho certo para prover um serviço de qualidade e com os melhores preços.

Fora toda essa confiança e a certeza que terás um carro a sua espera com todas as garantias possíveis, a TravelCar ainda oferece várias opções de serviços, tudo para facilitar a vida dos seus usuários. Isso mesmo, é fácil e rápido, além de seguro. Nada como escolher o que é o melhor para você e para a sua família.

Sabemos também que a duração de contrato é algo muito importante, por isso nada melhor do que ter várias opções na mão. Por exemplo, se o seu intuito é passar muito tempo em terras portuguesas, a melhor opção seria um contrato a longo prazo, onde poderias desfrutar do seu carro por muito tempo, sem se preocupar.

Entretanto, se o que procuras é justamente um contrato de curto prazo, pois também temos a solução. Basta contratar esse tipo de serviço, além disso tempos opções semanais e diárias, ou seja, a TravelCar oferece todas as formas possíveis de contrato para si!

Nem é preciso dizer que cobrimos através dos nosso seguros, praticamente qualquer tipo de acidente, por isso não se preocupe mais. Relaxe, acelere e aproveite esse momento nessa cidade maravilhosa.

Um dos nossos diferenciais é que disponibilizamos tudo isso com poucos cliques, ou seja, ao entrar em contato conosco, reservarás o seu veículo e em seguida basta contactar o nosso serviço, pegar a chaves e seguir viagem.

Dispomos também de uma equipe altamente qualificada que irá te atender e tirar todas as suas dúvidas. Não se preocupe, pois estarás em boas mãos. E é importante frisar também que o nosso atendimento ao cliente funciona 24h por dia, por isso não se preocupe mais, qualquer dúvida é só entrar em contato conosco.

Opções de veículos da TravelCar

Todo mundo tem uma preferência na hora de escolher o carro que deseja alugar, e tudo varia de acordo com o intuito da viagem. Por isso se o que buscas é um carro econômico, que quase não gasta combustível, temos exatamente o que procuras. Todos perfeitos para quem deseja aproveitar a cidade de uma maneira única e acessível para o seu bolso.

Entretanto se desejas um veículo maior e perfeito para longas distâncias, a TravelCar oferece as opções fullsize e luxury. Se a sua intenção é uma viagem em família, não perca tempo e escolha os nossos veículos especiais, como minivans, que são excelentes para viagens em grupo.

Visitando Funchal

Funchal é internacionalmente conhecida pelas suas belezas naturais; suas praias são um atrativo para turistas do mundo inteiro. Além disso é conhecida por sua gastronomia e pela sua história.

Agora vamos ao que interessa! Para começar a sua aventura, basta uma visita ao Convento de Santa Clara no Funchal, ilha da Madeira, é um convento de Clarissas eregido nos finais do século XV para recolher filhas da nobreza local. Foi mandado edificar pelo segundo capitão-donatário da Ilha da Madeira, João Gonçalves da Câmara, nas imediações da residência de seu pai. O convento funcionou até à extinção das ordens religiosas no século XIX, quando deixou de poder admitir noviças.

Outro local bastante conhecido na cidade é o Palácio de São Lourenço, localizado num ponto estratégico de defesa da Ilha (Avenida Zarco), é considerado como o mais imponente exemplar de arquitetura civil e militar da ilha da Madeira. A sua construção teve início na primeira metade do século XVI e foi concluída na dinastia de Espanha que reinou em Portugal de 1580 a 1640.

Após ter tido uma função defensiva, este edifício tornou-se residência dos Capitães Donatários do Funchal e dos Governadores Capitães-Generais, até à implantação do governo constitucional em 1834, onde passou a ter definitivamente uma função residencial.

Assim como a maioria das cidades portuguesas, a Catedral da Sé é um local imperdível da cidade. Os destaques vão para o cadeiral da capela-mor, que exibe santos, profetas e apóstolos em trajos do século XVI. Nos pormenores decorativos dos assentos e apoios para os braços podem ver-se aspectos da vida da Madeira, como por exemplo um querubim transporta um cacho de bananas e outro carrega um odre cheio de vinho.

A igreja possui uma excepcional cruz processional, oferecida por D. Manuel I. Esta alfaia de culto em prata é considerada uma das obras-primas da ourivesaria manuelina portuguesa. Uma vez que à Diocese de Funchal estiveram sujeitas todas as terras descobertas por Portugal nas Américas, esta se tornou, por alguns anos, a maior diocese católica do mundo, em extensão.

Por fim, com certeza você iria adorar um passeio pelos Paços do Concelho do Funchal que são o edifício sede do município do Funchal, na ilha e Região Autónoma da Madeira, em Portugal. Localizam-se na rua dos Ferreiros, em frente à Praça do Município/Largo do Colégio, na freguesia da Sé. Esse edifício foi mandado construir em 1758, pelo Conde de Carvalhal para fins de residência. Em 1883 foi comprado pela Câmara para servir como os Paços do Concelho, tendo sido alvo de adaptações e alterações.

Visitando a Ilha da Madeira

Apesar de Funchal ser uma beleza, é possível que queiras visitar um pouco mais os arredores e explorar um pouco mais essa ilha paradisíaca no meio do oceano. Por isso fizemos uma lista de outros lugares incríveis na Ilha que você precisa conhecer.

O seu passeio pode começar pelo Cabo Girão. Ele é o maior promontório natural em Portugal, com uma verticalidade de 589 m. Um miradouro recente, de fundo de vidro, permite contemplar agora ainda melhor as fajãs cultivadas na base do promontório. As vistas do miradouro estendem-se desde Câmara de Lobos até ao Funchal, com estas cidades voltadas para o Atlântico.

Depois, porque não uma passada pelo Curral das Freiras. Com pouco mais de dois mil habitantes, Curral das Freiras é uma pequena povoação no coração das montanhas da Madeira. Outrora praticamente isolada num vale fechado, apenas acessível por uma estrada vertiginosa, hoje é possível transpor um túnel e alcançar a povoação facilmente. Vale a pena sentir a claustrofobia do local, mas também contemplar a povoação de alguns dos mais belos miradouros da Madeira, como é o caso do Miradouro do Paredão e do Miradouro da Eira do Serrado. Este é um dos lugares obrigatórios a visitar na ilha da Madeira.

A seguir, Santana representa uma das maiores jóias dessa Ilha. As casas tradicionais de Santana são o bilhete postal da ilha e do arquipélago da Madeira. Mas desengane-se se pensa que vai encontrar uma aldeia de casinhas coloridas em Santana. Outrora as casas cobertas de colmo eram mais comuns, mas com a crescente melhoria do nível de vida, a maioria da população abandonou as casas tradicionais e vive em habitações comuns. Apesar de haver algumas casas espalhadas pela zona, especialmente nas povoações pequenas, para ver as casas tradicionais terá que se dirigir à praça municipal da cidade, onde existem seis casas, quatro das quais convertidas em lojas turísticas. As casas estão todas recuperadas e pode visitá-las por dentro. Há ainda duas que funcionam como habitação particular. Essas não são visitáveis. Se quiser ver uma destas casas tradicionais por dentro, tal como eram utilizadas, terá de ir ao Parque Temático da Madeira, em Santana, e pagar 1€/entrada. Aí uma menina explicar-lhe-á como funcionavam estas casas.

Se o que procuras é natureza, a Ilha da Madeira é o local certo. Um grande exemplo são as piscinas naturais de Porto Moniz. A Povoação de Porto Moniz cresceu à volta da ponta da ilha onde piscinas naturais, encurraladas nas rochas vulcânicas atraíam os veraneantes. Outrora completamente naturais, hoje há cada vez mais estruturas, como escadas, passadiços e várias infraestruturas de apoio aos turistas. Pode tomar banho nas piscinas naturais ou nas modernas, já arranjadas, mas a essência ainda está lá, nadar no meio das lavas solidificadas das erupções vulcânicas que formaram a ilha. Tudo com uma vista magnífica sobre o ilhéu Mole. Apesar de ser um lugar turístico, é um local a visitar na ilha da Madeira.

Depois, seria perfeito um passeio pela Costa de São Jorge. Entre Santana e São Vicente há uma estrada fenomenal, que serpenteia a parte norte da ilha, e percorre algumas das povoações mais características da Madeira, tais como São Jorge, Ribeira Funda, Arco de São Jorge, Boaventura e Ponta Delgada, e algumas das paisagens mais maravilhosas da ilha. A estrada ER101 passa por vários miradouros deslumbrantes e permite contemplar ainda o modo de vida tradicional destas populações. Aproveite para comprar aos agricultores locais os frutos tradicionais (muito mais baratos do que nos mercados do Funchal), tais como a banana-maracujá, banana-ananás, maracujá-laranja ou maracujá-limão. Para além disso, não perca a tradicional banana da Madeira que ali é tão saborosa.

Por fim, se desejas um passeio por uma vilazinha pitoresca, a melhor opção é Câmara de Lobos. Essa cidade era (e ainda é) uma povoação piscatória às portas do Funchal. Hoje tem dos melhores restaurantes da Madeira e é aqui que rumam todos aqueles que querem experimentar bom peixe e marisco. Apesar do desenvolvimento dos últimos anos, Câmara de Lobos ainda conserva alma e é uma das povoações mais tradicionais e que vale a pena visitar na ilha da Madeira. Na altura das festividades de São Pedro veste-se a preceito e fica ainda mais animada.

Dirigir em Portugal

As estradas em Portugal são excelentes e cruzam o país de norte a sul e leste a oeste. Ao todo são 721 km de distância para atravessar todo o país de norte a sul. No país europeu há sempre duas opções de estradas, a estrada privatizada que é paga e a nacional, de graça. As autoestradas são duplicadas (e as vezes com mais pistas) e possuem pedágios, chamados de portagens. O limite de velocidade nas autoestradas é de 120 km/h.

Já as estradas nacionais em Portugal passam por dentro das cidades e têm limite de 70 km/h. A qualidade é boa, mas elas são pistas simples, o que faz a viagem demorar bem mais.

De maneira geral, o trânsito de Portugal é bem pacífico. Há respeito entre os motoristas e o trânsito com filas acontece apenas nas grandes cidades (Lisboa e Porto). Nas demais cidades como Braga e Coimbra, por exemplo, o trânsito com filas acontece apenas nos horários de ponta em Portugal.

Algo que é importante lembrar é que em Portugal não existem postos da Polícia Rodoviária. A fiscalização é feita através de câmeras e por carros da GNR (Guarda Nacional Republicana). Os policiais utilizam carros bem potentes e sem identificação. Então, tenha sempre cuidado e respeite os limites de velocidade, ou as multas podem ser bem salgadas.